terça-feira, 7 de novembro de 2017

REAL GOTHIC 4 X 16 BULLS

Useless!



06/10/17. Uma data que ficará cravada na história do Real Gothic. Cravada como estaca no coração de um vampiro. Cravada como lágrimas em um coração angustiado. Cravada como o atropelo de um búfalo em um morcego indefeso. 
Afinal, foi exatamente isso o que aconteceu. Um verdadeiro atropelo. A maior e mais humilhante derrota já sofrida pelos morcegos até o momento. Ok, devemos considerar que enfrentamos um adversário fortíssimo. O Bulls é um time paulistano voltado ao público gay. Sem duvidas, o grande nome entre os diversos times que surgem dentro da comunidade LGBT. E apesar de nova, a equipe já começa a construir uma galeria respeitável de troféus e conquistas.



Mas, apesar de todos os prognósticos, aceitamos o desafio!



O jogo ocorreu na arena sintética do Ipiranga, onde os búfalos treinam semanalmente. E os mandantes compareceram em peso, eram pelo menos 20 atletas presentes! Do nosso lado, um elenco enxuto e cheio de desfalques importantes. 



Reconhecendo a enorme dificuldade que enfrentaríamos, planejamos jogar defensivamente e com muita cautela. Mas a estratégia não surtiu efeito. O Bulls é um time extremamente competitivo, estão em um outro nível. Nossa resistência durou pouco. Com facilidade, eles aplicaram uma sonora goleada no primeiro tempo, definindo a ampla vitória: 9 x 3.

Na segunda etapa, com os mandantes colocando seu time reserva em campo, até conseguimos melhorar o desempenho. Mas a pequena esperança desmoronou quando o goleiro Henrique Muller (que vinha evitando um desastre ainda maior com excelentes defesas) sofreu uma séria contusão, deslocando o ombro e tendo que ser retirado da peleja. Que fase! 



Sem goleiro, éramos novamente presas fáceis para o massacre da manada rubro-negra. A segunda etapa terminou com um simbólico 7 x 1. Sem palavras. Placar final: 16 x 4. De volta ao nosso devido lugar. Dust to Dust. Vexame to Vexame.






Ficha Técnica
Real Gothic 4 x 16 Bulls
Jogadores: Henrique (G), Freon, Flávio Sioux, Silas, Kelvyn Esqueleto, Osmair, Elen e Juan.
Gols: Esqueleto (2), Osmair (1) e Contra (1).



Trilha Sonora:




Um comentário:

DEUSA PAGÃ disse...

Parabéns pelo jogo e esforço! Os dois times estão de parabéns! Sucesso sempre!!