domingo, 26 de agosto de 2018

TORNEIO MARIGHELLA DE FUTSAL




No dia 21/07 aconteceu o Torneio Marighella de Futsal, organizado pela Unidade Popular. A proposta do certame era reunir diversas equipes alternativas e de luta, demonstrando a importância social do futebol. O lema do evento: "Futebol em defesa dos direitos e contra o fascismo!". A disputa aconteceu na Universidade Federal do ABC, em Santo André.


O Real Gothic Brasil esteve presente, somando-se a outros 20 times.




As agremiações foram divididas em 7 grupos com 3 equipes cada, sendo que o primeiro colocado de cada grupo avançava para a segunda fase. O melhor segundo colocado dentre todos os grupos, também se classificaria. Os jogos seriam rápidos, com dois tempos de seis minutos. No sorteio, caímos no grupo 2, com Celeste Proletária e Araguaia FC.


Vale lembrar, que nesse torneio estreamos nosso novo uniforme, o novo manto amaldiçoado! Nossa homenagem ao primeiro fardamento, que nos acompanhou durante 50 jogos, com 22 vitórias, 07 empates e 21 derrotas. Memento!

Kei Hrist com o novo manto das trevas!

Vamos aos jogos!

Real Gothic X Celeste Proletária 2
Nosso grupo era pesado, com duas fortíssimas equipes. Pode-se até dizer que era um autêntico "grupo da morte".
O primeiro jogo foi com um dos times da Celeste Proletária, agremiação formada por militantes de esquerda. Já conhecíamos os adversários de um duelo em 2015, na Copa Alternativa de Futsal. Seria um jogo complicado, trata-se de um time aguerrido e competitivo. Na primeira etapa, os oponentes foram melhores e abriram 2 x 0 no marcador. Contudo, voltamos ao segundo tempo determinados em buscar o resultado. Eduardo Baphomet, com um chute colocado, fez o primeiro: 2 x 1. Depois, o goleiro Maurício arriscou de longe, contou com um desvio da zaga e igualou a peleja: 2 x 2. Fim de jogo! Mas a verdade é que poderíamos ter vencido a partida, não fosse a trave, as chances desperdiçadas e o tempo escasso. Mas conquistamos um precioso ponto. Com uma vitória na partida seguinte, poderíamos nos classificar.



__________

Real Gothic X Araguaia FC
O segundo jogo foi contra o Araguaia FC, uma agremiação oriunda do PC do B (Partido Comunista do Brasil). O Araguaia é uma equipe com uma certa estrutura, possuem patrocinadores, treinadores, comissão técnica, fazem treinos diários, academia etc. É um time organizado em diversas categorias e disputa importantes campeonatos. Por esses fatores, detinham o favoritismo da chave - além de figurarem como um dos candidatos ao título do certame. Seria um jogo duro!

Entretanto, o jogo começou equilibrado, com ambos escretes bem postados e marcando forte. Iniciamos um pouco mais defensivos, aguardando o momento certo para atacar. A nossa grande chance aconteceu quando Baphomet se antecipou ao adversário, avançou e passou para Sophia Raven. Livre e de frente com o goleiro, a morcega infelizmente errou o alvo. Para piorar, no ultimo minuto da primeira etapa - explorando uma ofensiva com goleiro-linha - os comunistas abriram o placar: 1 x 0. Um duro golpe. O resultado não refletia o equilíbrio da partida e, sobretudo, o nosso empenho.
Não tínhamos mais nada a perder e partimos ao ataque no segundo tempo. Com garra e vontade, pressionamos muito, mas erramos passes determinantes e não conseguimos ser efetivos. E o jovem e veloz time do Araguaia aproveitou um contra-ataque e ampliou a vantagem: 2 x 0. Abatidos, ainda sofremos o terceiro gol após uma cobrança de falta: 3 x 0.



           
Comprovando o equilíbrio da chave, Celeste Proletária - que quase havíamos vencido na primeira rodada - e Araguaia empataram em um jogo disputado. Mas no fim, a vaga para a segunda fase ficou mesmo com os comunistas. E isso foi tudo. Eliminados na primeira fase, terminamos em 15º lugar na classificação geral. Sabíamos que seria extremamente difícil, mas o saldo final foi de decepção, afinal, com um pouco mais de capricho e sorte poderíamos ter ido mais longe...

  


Tabela completa da Primeira Fase:

A segunda fase só aconteceu semanas depois. As oito equipes restantes duelaram em partidas emocionantes. No fim, o título do certame ficou com o Natus FC que, com uma campanha irretocável, venceu todas suas partidas, provando que os gays jogam sim futebol - e muito! Parabéns aos campeões! E nosso sincero agradecimento a todos os participantes.


Tabela completa da Segunda Fase:


Avante, morcegos!


Ficha Técnica
Real Gothic 2 x 2 Celeste Proletária
Jogadores: Maurício (G), Freon, Flávio Sioux, Ed, Eduardo Baphomet, Sophia Raven, Bruno, Kelvyn Esqueleto, Elen e Aline Casper.
Gols: Eduardo Baphomet (1) e Maurício (1).

Ficha Técnica
Real Gothic 0 x 3 Araguaia FC
Jogadores: Maurício (G), Freon, Flávio Sioux, Ed, Eduardo Baphomet, Sophia Raven, Bruno, Kelvyn Esqueleto, Elen e Aline Casper.




Nenhum comentário: